PROJETO SOCIAL DA PETROBRAS MUDA A ROTINA DE CRIANÇAS EM MATO GROSSO

Lá se vão quase três anos de trabalho. Bastou uma idéia criativa e apoio para que a Federação de Jiu Jitsu Esportivo de Mato Grosso conseguisse colocar em prática o projeto “Arte Suave, o caminho da sabedoria”. Projeto ousado, que hoje atende 896 crianças e adolescentes. A proposta vai além da aprendizagem dos gestos esportivos, pois leva a cada praticante o conhecimento e a experiência necessária aos direitos e deveres de cidadão, seja dentro, ou fora do tatame.

 

Para o projeto é importante essa criança ou adolescente perceber o quanto podem contribuir e fazer a diferença para um mundo mais justo e humano. Por isso, são várias as atividades oferecidas. Além das aulas de jiu jitsu os alunos participam das Atividades Complementares com palestras, dinâmicas, jogos lúdicos e teatrais e dança regional (Siriri). Os alunos ainda atuam em uma peça teatral voltada à Educação Ambiental denominada “Abaixo à Poluição” da autora e pedagoga Edith Pereira Barbosa.

 

Muitos alunos participam das etapas de campeonatos estaduais realizados pela Federação, mas duas vezes por ano todos participam do Campeonato Arte Suave, promovido pela FJJE-MT, um evento onde todos são incluídos, sem processo de seleção, sem a valorização do mais habilidoso ou mais forte. Neste Campeonato embora os alunos lutem de acordo com peso e categoria, não há classificações, ele tem a característica de um grande treino coletivo com um espírito de confraternização.

 

A empresa  Petrobras e o Governo Federal que patrocinam o projeto, tem garantido todas as condições necessárias para que o trabalho possa ser desenvolvido de maneira plena e com excelência desde que começou em 2013, com resultados significativos de transformação social a partir de experiências relatadas por pais, alunos, diretores de escolas, gestores públicos e conselheiros tutelares.

 

O Projeto aprovado em 2012 pelo Programa Petrobras Esporte & Cidadania foi elaborado dentro dos princípios do Esporte Educacional: Inclusão de todos, Construção Coletiva, Respeito a Diversidade, Educação Integral e Autonomia. São 896 alunos de oito bairros na cidade de Rondonópolis, Mato Grosso: Parque São Jorge, Jardim Eldorado, Vila Operária, Jardim Liberdade, Padre Lothar, Nossa Senhora do Amparo, Jardim Europa e Jardim Ipanema.

 

O Diretor Geral do projeto, Paulo César Venâncio comenta que “o mais importante não é a cor da faixa que os atletas colocam em sua cintura ou sua graduação, mas a ética, a sua capacidade de superação, de dedicação e seu caráter. A pedagoga do projeto Arte Suave,  Eliane Amorim, diz que é preciso ensinar e aprender a arte marcial juntamente com a filosofia de vida onde haja respeito ao próximo, auto controle, humildade e cooperação”, afirma.


COMPARTILHE:

MAIS LIDAS

TODAS AS COBERTURAS

PATROCINADORES

ENQUETE

Em qual Estado você quer o Mundial 2016?

São Paulo
Rio de Janeiro
Minas Gerais
Bahia

REVISTA X-COMBAT